sábado, 1 de Março de 2008

O Secador


Conta a história, que uma senhora muito distinta estava em um avião vindo da Suíça. Vendo que estava sentada ao lado de um padre simpático, perguntou:
- Desculpe-me padre, posso lhe pedir um favor?
- Claro minha filha, o que posso fazer por você?
- É que eu comprei um novo secador de cabelos sofisticado, muito caro. Eu realmente ultrapassei os limites da declaração e estou preocupada com a Alfândega. Será que o senhor poderia levá-lo debaixo de sua batina?
- Claro que posso minha filha, mas você sabe que eu não posso mentir!
- O senhor tem um rosto tão honesto, padre, que estou certa que eles não lhe farão nenhuma pergunta.
E assim, a senhora distinta entregou o secador de cabelos sofisticado para o padre simpático e de rosto honesto.
O avião chegou ao seu destino.
Quando o padre se apresentou à Alfândega, lhe perguntaram:
- Padre, o senhor tem algo a declarar?
O padre prontamente respondeu:
- Do alto da minha cabeça até a faixa na minha cintura, não tenho nada a declarar, meu filho.
Achando a resposta estranha, o fiscal da Alfândega perguntou:
- E da cintura pra baixo, o que o senhor tem?
- Eu tenho um equipamento maravilhoso, destinado ao uso doméstico, em especial para as mulheres, mas que nunca foi usado.
Caindo na risada o fiscal exclamou:
- Pode passar, padre! O próximo...

sexta-feira, 29 de Fevereiro de 2008

Queria comprar uma televisão


Uma loira vai a uma loja de electrodomésticos e disse que queria comprar uma televisão. O empregado diz-lhe:
- Desculpe mas não vendo televisões a loiras.
Vai lá outra vez mascarada de homem e diz a mesma coisa, e o vendedor diz-lhe:
- Não vendo televisões a loiras.
Vai lá mais uma vez e diz a mesma coisa e o vendedor diz-lhe a mesma coisa.
E ela pergunta:
- Como é que o sr. sabe que eu sou loira?
- É fácil você quer comprar uma televisão, e está a apontar para um micro-ondas.

sábado, 27 de Outubro de 2007

Educação em Portugal

Com professores como este é óbvio que a Educação não presta. Há tantos professores no desemprego, não me digam que não há professores melhores ou pelo menos mais espertos.

Passo a citar:

Professor: Depois vão gozar comigo, não é?
Aluna: Não vai nada, acha!

Claro que não, uma aluna que filma um professor a fazer macacadas está cheia de boas intenções! À gente mesmo burra, neste caso professores.




sexta-feira, 26 de Outubro de 2007

Mande o Sócrates para bem longe

Já anda farto do nosso Primeiro Ministro? Então chute-o para bem longe.

quinta-feira, 18 de Outubro de 2007

terça-feira, 16 de Outubro de 2007

Advogada adopta homens que comem relva


Certa tarde, uma bem sucedida advogada estava a caminho de casa na sua limusina, quando observou dois homens maltrapilhos a comer relva ao lado da estrada. Ela ordenou imediatamente ao motorista que parasse, saiu do veículo e perguntou:

- Porque é que vocês estão a comer relva ?
- Porque nós não temos dinheiro para comprar comida... - respondeu um dos homens.
- Bem, você pode vir comigo para a minha quinta - disse a advogada.
- Senhora, eu tenho uma esposa e três filhos aqui.
- Traga-os também - replicou a advogada.
- E quanto ao meu amigo?
A advogada virou-se para o outro homem e disse:
- Você pode vir também.
- Mas, senhora, eu também tenho esposa e seis filhos... - disse o segundo homem.
- Eles podem acompanhar-nos também - disse a advogada enquanto se dirigia de volta à limusina.
Todos se acomodaram como puderam na limusina e, quando já estavam a caminho, um dos acompanhantes disse:
- A senhora é muito boa e gentil. Obrigado por levar a gente com a senhora.
A advogada respondeu:
- De nada. Vocês vão adorar a minha quinta. A relva está com quase um metro de altura...

terça-feira, 9 de Outubro de 2007

O Mário Morreu


Num hospital, havia só um médico e várias enfermeiras e médicas...
Vira-se uma para a outra:
-Sabes quem é que morreu?
-Não!
-O Mário!
-Não! Buááááááá, o Mário morreu!
Depois noutro corredor:
-Olha, (snif, snif) o Mário morreu.
-Buáááááááááááá.
E a noticia vai-se espalhado corredor em corredor até que chega aos ouvidos do médico:
-Olhe, Dona Inês: quem é que morreu?
-F-f-f-oi o-o-o- M-M-Mário sr. D-D-D-outor.
-Onde é que ele está?
-Na, na, na Moregueeeeeeee. Buáááááááááááááá!
E o médico dirige-se à morgue, enconta-o e tira-lhe o lençol que estava por cima do cadáver...e repra que o "instrumento" do Mário era realmente fora do vulgar...
-Eu já resolvo isto...
E agarra no canivete e Zaaappp.
Põe no bolso esquerdo das calças e vai para casa.
Em casa:
-Papá, tens Bombons?
-No bolso direito meninos, no direito.
Mas a esposa do médico estranha ele designar o bolso e decide investigar. De noite ela dirige-se as calças do marido, põe a mão no bolso e depara com o "Bicho".
-ÀÀÀÀÀÀÀÀÀ!
-O que foi Ana?
-O Mário morreu!!!!!!!!

segunda-feira, 8 de Outubro de 2007

Nacionalidade de Adão e Eva


Um Alemão, um Francês, um
Inglês e um Português comentam sobre um quadro de Adão e Eva no
Paraíso.
>O Alemão disse: - Olhem que perfeição de corpos: ela esbelta e espigada, ele com este corpo atlético, os músculos
perfilados... Devem ser Alemães.
>Imediatamente, o Francês racionou: - Não acredito. é evidente o erotismo que se desprende de ambas as figuras... ela tão feminina... ele tão masculino... Sabem que em breve chegará a tentação... Devem ser franceses.
>Movendo negativamente a cabeça, o Inglês comenta: - Que nada! Notem... a serenidade dos seus rostos, a delicadeza da pose, a sobriedade do gesto. >Só podem ser ingleses.
>Depois de alguns segundos mais de contemplação, o Português exclama: Não concordo. Olhem bem: não têm roupa, não têm sapatos, não têm casa,só têm uma triste maçã para comer, não protestam e ainda pensam que estão no Paraíso. Só podem ser Portugueses !!!!